home
Celulose Riograndense explora modal hidroviário e reduz milhares de viagens nas rodovias gaúchas 1

Após o incremento da produção com a ampliação da sua planta fabril, em 2015, a Celulose Riograndense, além de manter posição em mercados tradicionais (países para onde a empresa já exporta há muitos anos), expandiu sua base de clientes para vários outros países que, juntos, deverão, em 2018, receber em torno de 1.7 milhões de toneladas de celulose. Atualmente, a produção da empresa é embarcada para mais de 22 diferentes países, situados principalmente na Ásia, Oceania, Europa e Continente Am...


IV Fórum Internacional de Infraestrutura e Logística IMG-20180531-WA0007

Confira a programação do IV Fórum Internacional de Infraestrutura e Logística que ocorrerá no dia 07 de junho no Hotel Plaza São Rafael.    


PIB Agropecuário beneficia serviços hidroviários trevo branco

O crescimento de 13% do PIB agropecuário em 2017 extrapola, como fator multiplicador, os termos da agricultura e da pecuária. Um dos segmentos beneficiados com a expansão do setor foi o de serviços aquaviários, ou hidroviários. Nos últimos 12 meses encerrados em janeiro, essa modalidade de transporte de mercadorias e de passageiros por barcos, navios ou balsas cresceu 18,7%, segundo informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Para o economista da RC Consultores Marcel C...


Mais viagens pelos caminhos de água Sem título

A velocidade pode ser mais de barco a remo do que de transatlântico, mas aos poucos o transporte fluvial recupera capacidade no Estado. A modalidade que tira caminhões das rodovias será reforçada no antigo Terminal Santa Clara Píer IV, hoje chamado de Contesc, no polo de Triunfo. Uma nova embarcação passou a atuar no trecho até o porto de Rio Grande no início deste ano, a Trevo Roxo vai operar com a barcaça Guaíba, que ao longo de 2017 registrou índices de ocupação superior a 95%. A Tecon, op...


Setor madeireiro é o principal responsável pelo crescimento do porto de Pelotas madeira pelotas

Confira no vídeo a seguir, sobre o transporte de madeira no porto de Pelotas.   Fonte: G1 – RS


País deve atender 80% de demanda adicional dos chineses por soja

Apesar do crescimento econômico mais lento, a China deverá ter uma demanda adicional de cerca de 35 milhões de toneladas de soja em dez anos, segundo o banco holandês Rabobank. De acordo com estudo, o Brasil poderá absorver 80% dessa demanda adicional. Se a previsão se confirmar, serão 28 milhões de toneladas a mais partindo dos portos brasileiros para o mercado chinês – o que, considerando o preço médio para o grão exportado em agosto, representa US$ 10,52 bilhões. O estudo, assinado p...


Dia de campo no Taim Dia de Campo no Taim

Dia de campo no Taim mostra resultados de tecnologias na zona de amortecimento Confira o trabalho que a Trevo Florestal vem desenvolvendo em parceria com a Embrapa e Emater.   No mês de maio, a Embrapa promoveu mais um dia de campo no Taim, com aproximadamente 120 pessoas. Dessa vez, o evento ocorreu na propriedade de uma empresa envolvida no projeto de implantação de unidades demonstrativas. Fonte: Programa Terra Sul  Data de veiculação: 03/06/2017 Repórter: Larissa Medeiros Editor: La...


Café Hidroviário debate alternativas para a economia gaúcha noticia

Com o tema “A importância dos portos e hidrovias na retomada da economia gaúcha”, a ANTAQ e o Movimento Pró-Logística realizaram mais uma edição da série Café Hidroviário, no Rio Grande do Sul. O evento ocorreu na terça-feira (23), no auditório da Administração do Porto de Porto Alegre (antiga SPH). O início do encontro contou com uma apresentação do Hidrovia-RS, promovida pela Associação Brasileira de Terminais Portuários (ABTP). O gerente do projeto, Miguel Pires, expôs a proposta de criar...


Terminal de Toras terminaltoras

Terminal de Toras I As operações no Terminal de Toras do porto de Pelotas, operado pela Sagres, completam seis meses de atividades sem o registro de acidentes e com 70% da meta anual de movimentação alcançada. Os dados apontam 95 barcaças carregadas em Pelotas desde outubro do ano passado, com a redução de 50% no tempo de embarque. Até o final do ano, serão 37 barcaças/mês ou 100 mil metros cúbicos de toras de madeira, informa o presidente da Celulose Riograndense, Walter Lídio Nunes. Termin...


Novo site FENAVEGA fenavega